• contato@feitaprafugir.com.br

Se a sua viagem for longa, considere fazer uso do Cartao Travel Money.

O QUE É?

Trata-se de um cartão de débito recarregável em dólar americano ou canadense, euro ou libra esterlina, através do qual é possível realizar a recarga da quantia desejada, dispensando a necessidade de se viajar com dinheiro em espécie ou uso do cartão internacional. O valor mínimo é de U$ 200, € 200 ou £ 200 (dependendo da moeda escolhida no cartão) e o valor máximo é de U$ 30.000, € 10.000 ou £ 10.000.

COMO ADQUIRIR?

O viajante pode adquirir o Cartão Travel Money em agências bancárias ou casas de câmbio e controlar o saldo pelo aplicativo da bandeira do cartão.  

SAQUES

Funciona na função débito, podendo ser utilizado para saques em caixas eletrônicos (ATM), em qualquer parte do mundo, na moeda do país em que você estiver; as taxas por saque costumam custar aproximadamente US$/EUR/£ 2,50, somada eventualmente a uma tarifa de uso de rede local.

RECARGA

O cartão pode ser recarregado à distância, por meio telefônico ou internet, dependendo do banco emissor.

Ainda, não possui custo de anuidade e se, ao final da viagem, sobrar dinheiro, pode-se solicitar a devolução em reais, guardar a quantia para uso futuro ou então realizar compras na rede Visa Electron.

PERDA OU ROUBO

Caso ocorra o roubo ou a perda do cartão, você poderá entrar em contato diretamente com o banco emissor e solicitar a segunda via para o endereço que você indicar, com seu saldo totalmente reembolsado.

Desta forma, é seguro, prático e você não corre o risco das flutuações cambiais, uma vez que você paga a cotação do momento da compra. É importante lembrar que existe uma pequena variação entre o valor do dólar turismo para compra em espécie e para recarga no Travel Money; geralmente a cotação da moeda para recarga no travel Money tende a ser um pouco maior. 

Durante uma viagem à Tailândia, uma amiga do grupo perdeu o Cartão Travel Money em uma das praias. Por telefone, foi solicitada a segunda via do cartão e entregue no nosso hotel em Chiang Mai, que seria a próxima cidade do roteiro.

Assim, em qualquer eventualidade, perde-se o cartão, mas não o dinheiro.